Nicholas Sparks em Lisboa

First there was nothing... 
Primeiro, não havia nada...


Then there was Nicholas Sparks to warm our hearts with his loving stories!
Depois apareceu Nicholas Sparks para aquecer os nossos corações com as suas histórias de amor!


Acompanhado da simpática e adorável Fátima Lopes, que conduziu a entrevista, Nicholas Sparks encantou os fãs que, no passado sábado 21 de outubro, se lhe quiseram juntar no Picadeiro Real em Belém (antigo Museu dos Coches).


Um local maravilhoso, digno de um verdadeiro conto de fadas. Quem sabe não terá inspirado o Nicholas Sparks para uma história que tenha como pano de fundo o nosso país. ;)


Falou sobre as suas personagens, de onde lhe surge a inspiração para as criar, do quão importante é para si que as suas histórias soem reais. É uma pessoa que lê imenso e que adora viajar. Já esteve em tantos países que quase perdeu a conta, mas de uma coisa tem a certeza, as pessoas são iguais onde que que vá. Tem problemas, tentam ser felizes, vivem as suas vidas, quer seja em Istambul ou na China, o percurso é quase sempre o mesmo.


Nicholas Sparks apresentou-se tal como ele é. Um homem simples, otimista e divertido que gosta de dar umas boas gargalhadas. Confesso que me surpreendeu.


Também nos confessou que não gosta de escrever. e com esta deixou-me de boca aberta! Gosta do resultado, não do processo em si. Adia constantemente a hora de começar a escrever. Ou porque tem de ir passear os cães, ou porque apetece-lhe primeiro um café ou porque precisa do tipo certo de música de fundo... 


Sobre este novo livro que ainda não li (shame on me!), explicou-nos que foi um daqueles que lhe fugiu do controle. Inicialmente pensou que teria apenas 400 páginas, mas depois quando aí chegou, viu que afinal ainda tinha para aí umas 100 páginas para escrever... e depois mais 100... e entretanto já estava com o prazo limite completamente ultrapassado... diz ele que foi um stress. Mas que gostou do resultado. Depois logo vos conto se gostei ou não. Lol

Acabei por trocar umas palavras com ele, e pronto, derreti-me. Que mais há a dizer?

Foi uma oportunidade fantástica proporcionada pela ASA, a quem muito agradeço e louvo pela iniciativa. É sempre algo maravilhoso quando conseguimos conhecer os nossos autores favoritos, não concordam?

"Jardins em Miniatura - Terrários e Outros Pequenos Jardins" de Holly Farrell (opinião)

 
Este pequeno livro é um tesouro que vou certamente apreciar durante muito tempo!
Não tenho um quintal ou jardim propriamente dito, mas a minha varanda (com 7mt x 2,5mt) tem um tamanho razoável para um pseudo-jardim. 
 
 
Este fim de semana foi tempo de limpar, reorganizar e plantar, tendo como inspiração o livro de Holly Farrell, "Jardins em Miniatura - Terrários e Outros Pequenos Jardins", que tanto me ensinou sobre botânica, com conselhos práticos e fáceis de seguir.
 
 
Ainda não foi desta que me aventurei num verdadeiro jardim em miniatura. Mas esperem... quando o fizer partilho convosco. ;) Será que conseguirei fazer algo assim? E vocês?
 
(foto retirada da net)
Um livro que enriquecerá a vossa estante e claro, a vossa casa!

Para mais informações podem espreitar aqui ou no site da Vogais.

Passatempo "Uma Vida Alemã"



Podem consultar as Regras dos Passatempos no separador central do blog.

Dan Brown - Lançamento do livro "Origem"


Foi no CCB. Domingo, dia 15. No Grande Auditório. Um dia quente para o mês de outubro. Uma sala magnífica completamente cheia. E o senhor que se apresentou em palco encantou. Afinal Dan Brown não é só um escritor de sucesso. É também um senhor-entertainment. Partilhou connosco um pouco da sua história de vida, e as razões óbvias para se ter tornado na pessoa que é: o pai e a mãe. Fez-nos rir, enterneceu-nos, e o tempo voou. Ao fim de 1 hora disse adeus aos seus leitores e prometeu voltar. Diz que até já tem o titulo para um eventual livro com Lisboa como pano de fundo: Sintra Cipher (?).
 
 

Foi um dia inesquecível e uma oportunidade maravilhosa, que desde já agradeço à Bertrand.

No final pude colocar-lhe duas questões, e vê-lo responder só para mim, olhos nos olhos...


Fica aqui a resposta a uma delas - Qual foi a reação da mãe dele quando lhe deu a ler o Código Da Vinci? Afinal a mãe dele era uma cristã fervorosa (tocava orgão na igreja e era diretora do coro), ao passo que o pai era um matemático brilhante.

video

Foi uma experiência mesmo fantástica!

Sugestão da Semana 42

Hoje trago-vos como sugestão um livro que já li há alguns anos e que na altura mereceu as minhas 4*: um thriller arrebatador e desconcertante que vale a pena ler até ao fim.

A Coleccionadora
de Ilusões 
de Chris Bohjalian

Sinopse:
Quando Laurel Estabrook é atacada durante um passeio de bicicleta pelas estradas secundárias do estado do Vermont, a sua vida muda por completo. Anteriormente expansiva, Laurel afasta-se, dedica-se à fotografia e começa a trabalhar num refúgio para os sem-abrigo. Aí conhece Bobbie Crocker, um doente mental com uma caixa de fotografias que não deixa ninguém ver. Quando Bobbie morre subitamente, Laurel descobre que ele afinal não mentira: antes de se tornar sem-abrigo, fora um fotógrafo bem-sucedido que trabalhara, de facto, com personalidades como Chuck Berry, Robert Frost e Eartha Kitt. 

O fascínio de Laurel pela vida de Bobbie começa a transformar-se numa obsessão, convencendo-se de que algumas das fotografias do idoso revelam um obscuro e bem escondido segredo de família. A sua busca da verdade vai afastá-la ainda mais da sua antiga vida e conduzi-la a um jogo do gato e do rato com perseguidores que afirmam quererem salvá-la. 

Neste arrebatador thriller literário, cheio de complexas e atraentes personagens, Chris Bohjalian conduz o leitor na sua mais intrigante, assombrosa e inesquecível viagem de sempre.


Em destaque: "As Lamas do Mississípi" de Hillary Jordan

Entre a subtileza e a brutalidade, o preconceito pode assumir muitas formas.

Sinopse:
Estamos em 1946 e a citadina Laura McAllan tenta criar os filhos na quinta do seu marido no Mississípi – para ela, um lugar parado no tempo e assustador. Entretanto, no meio das lutas familiares, dois jovens regressam da guerra.
 
Jamie McAllan, cunhado de Laura, é tudo o que o seu marido não é – charmoso, bonito e assombrado pelas memórias dos combates. Ronsel Jackson, filho mais velho dos caseiros negros que vivem na quinta dos McAllan, regressou a casa como herói de guerra. No entanto, independentemente da sua bravura, ele terá de enfrentar batalhas ainda maiores perante o racismo e a intolerância dos seus compatriotas.

 É a improvável amizade destes irmãos de armas que guia os acontecimentos, à medida que somos imersos nas lealdades familiares e testemunhamos as paixões e ódios que irrompem no seio de uma comunidade onde a tragédia não se fará esperar…
 
Sobre a autora:
Hillary Jordan cresceu no Texas e em Oklahoma. Formou-se no Wellesley College e recebeu o MFA em Escrita Criativa na Universidade de Columbia. Vive em Brooklyn. O seu romance de estreia, As Lamas do Mississípi, foi recentemente adaptado para cinema.

Para mais informações queiram visitar a página do livro no site da Saída de Emergência » aqui.

"História em Pedacinhos - As Casas da Minha Infância e os Tempos de Chá sem Açúcar" de Maria Cecília (Opinião)

Esta é uma opinião há já muito tempo devida. Um livro que, excecionalmente, "fui lendo" ao invés de "ler". E simultaneamente com outras leituras, o que para mim é raríssimo! Mas a verdade é que este pequeno livro se presta à leitura intervalada: um capítulo de cada vez, um pedacinho de cada vez, que vão compondo uma história de vida.

E é verdadeiramente uma história de vida, contada aos pedacinhos, aquela que encontramos neste livrinho. Gostei muito da escrita da autora que, com ternura, vai partilhando as suas memórias. Despretensioso mas pleno de significando, esse relato leva-nos a acompanhar a luta de uma família por uma vida melhor, espelhando infelizmente a realidade de tantos portugueses que emigraram.

Sou sincera, não sabia bem do que estava à espera. - Eu e a minha mania de não ler as sinopses! - Mas logo o primeiro capítulo me senti conquistada. Maria Cecília é sem dúvida uma Mulher de Coragem, não só pela forma como foi ultrapassando as vicissitudes da vida, como por ter escrito este livro para ser lido e apreciado por toda a gente. 
Os meus parabéns. Foi uma leitura interessante que me enterneceu imenso.

P.S. Adoro o título.

Em destaque: "As Mulheres no Castelo" de Jessica Shattuck

Três mulheres assombradas pelo passado e pelos segredos que guardam


Sinopse:
Baseado numa história verídica. 
Na guerra fizeram escolhas impossíveis, agora têm de viver com elas.

Três mulheres, assombradas pelo passado. Marianne von Lingenfels volta ao castelo abandonado, dos antepassados do marido. 
Para cumprir a promessa que fez aos corajosos companheiros do marido: encontrar e proteger as suas mulheres no meio das cinzas da derrota da Alemanha nazi.

Um livro com uma pesquisa histórica rigorosa e que oferece um novo olhar e novas realidades da Segunda Guerra Mundial, um dos períodos mais lidos da nossa história.

Críticas da Imprensa:

«Comovente...surpreendenter desvatador»New York Times Book Review 

«Um épico magistral.» People Magazine 

«Fascinante. As Mulheres no Castelo ergue-se bem alto entre a literatura que revela novas verdades a respeito de uma das épocas mais trágicas da história.» USA Today


Sobre a autora:
Jessica Shattuck é a autora premiada de The Hazards of a Good Breeding, que foi um The New York Times Notable Book e finalista do PEN/Windship Award, e de Perfect Life

Os seus escritos apareceram no The New York Times, no The New Yorker, na Glamour, na Mother Jones, na Wired e na The Believer, entre outras publicações. 
Licenciada pela Harvard University, recebeu um MFA da Columbia University. 
Vive com o marido e três filhos em Brookline, Massachusetts.


Gostei tanto deste livro!!

Gostei tanto deste livro!!

Mais um livro excecional!

A não perder!

Para os que gostam de thrillers...

Novo livro de Lesley Pearse!!

Um livro magistral!

Um livro magistral!
Neste livro, Jodi Picoult aborda temas como a raça, o privilégio, o preconceito, a injustiça e a compaixão.

O novo livro de Deborah Smith

Novo Thriller de Paula Hawkins

 

ASA

Quinta Essência

Planeta

Porto Editora

Bertrand

Lua de Papel

Chiado Editora

Oficina do Livro

Editorial Presença

Jacarandá

D. Quixote

Clube do Autor

Livros d'Hoje

Casa das Letras

Suma de Letras

Vogais

Saída de Emergência

Esfera dos Livros

TopSeller

Objetiva

Marcador

Visualizações de página na última semana

Copyright © 2005-2017 Blogger Template (Adapted by Fernanda Carvalho)